Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



EC4535D7-1A81-403B-9BAB-E0809F57372E.jpeg

Nunca se falou tanto de saúde, de alimentação, de vida saudável, enfim, fala-se muito, mas os números dizem que não estamos nada bem no que à literacia em saúde diz respeito. Mais de metade dos portugueses não percebe informações básicas sobre saúde.

Quanto mais velhas forem as pessoas e quanto menos escolaridade tiverem, maior a dificuldade em perceber este tipo de informações. Na população entre os 16 e os 44 anos, a proporção daqueles que mostram níveis de literacia inadequados oscila entre os 62% e os 65%. Essa percentagem vai aumentando e, na faixa etária entre os 65 e 79 anos, corresponde a 94% da população. Quanto ao nível de escolaridade, entre os que têm menos do que o 4.º ano, 97,5% têm um nível de literacia em saúde inadequado. Já entre a população com pelo menos uma licenciatura completa, essa proporção desce para 44,5%.

De quem é a culpa? De todo o sistema. Sempre me questionei porque é que nos programas escolares não existe uma disciplina de saúde. Esta disciplina deveria ser das mais importantes para construir uma sociedade saudável, responsável, com vontade de viver, de trabalhar e de contribuir para um “país saudável”.

A educação em saúde tem que começar nos primeiros anos de vida, pois só assim teremos adultos responsáveis e conscientes sobre os vários problemas que vão enfrentar e sobre a melhor forma de fazerem uma boa prevenção da doença e promoção da saúde.

Começando nos primeiros anos da escola, tudo é mais fácil de aprender e o que mais tarde parece difícil, quando aprendido em pequenino nem sequer é questionado e passa a fazer parte da rotina diária. Falo de ensinar a comer bem, a praticar exercício físico e a dormir as horas necessárias. Contudo, isto não é tudo. É importante terem também noções básicas sobre medicamentos, sobre primeiros socorros, sobre leitura de rótulos e bulas, sobre prevenção de diabetes, obesidade e doenças cardiovasculares. Enfim, os assuntos são muitos e deveriam fazer parte do dia-a-dia de todas as famílias.

Temos que falar mais sobre saúde. Temos que ter mais tempo para chegar a todos a mensagem da importância de adoptar estilos de vida saudáveis. Temos que explicar melhor, com uma linguagem simples, tudo aquilo que achamos que é importante ser esclarecido. Temos que deixar que nos façam perguntas. Temos que explicar a importância de seguir os conselhos dos profissionais de saúde, não nos limitarmos apenas a dizer que é assim, mas a explicarmos porque é que é assim. 

Somos todos responsáveis! Por isso, temos todos que trabalhar para alterar os números. Falar de saúde, de prevenção da doença e de promoção de um estilo de vida saudável, está ao alcance de todos nós. Profissionais de saúde, educadores, políticos, vamos todos sentir-nos responsáveis por isto, pois só assim podemos sonhar com um Mundo melhor!

6FE680E9-CAEA-48B2-A8FF-6C173DA0505B.jpeg

“A Organização Mundial da Saúde (OMS) define literacia em saúde como o conjunto de “competências cognitivas e sociais e a capacidade dos indivíduos para ganharem acesso a compreenderem e a usarem informação de formas que promovam e mantenham boa saúde (WHO, 1998): é a capacidade para tomar decisões em saúde fundamentadas, no decurso da vida do dia a dia – em casa, na comunidade, no local de trabalho, no mercado, na utilização do sistema de saúde e no contexto político; possibilita o aumento do controlo das pessoas sobre a sua saúde, a sua capacidade para procurar informação e para assumir responsabilidades.”

 

 

 

 

 

publicado às 16:46

Imagens

Algumas das imagens presentes no blog são retiradas da Web. Na impossibilidade de as creditar corretamente agradeço que, caso alguns dos autores não autorize a sua publicação, entre em contato, para que as mesmas sejam retiradas de imediato.

Termo de responsabilidade

A informação contida neste blog não substitui o aconselhamento médico ou farmacêutico. O objetivo do blog, é informar sobre vários assuntos ligados à saúde em geral, e à farmácia em particular. Os vários temas são abordados de uma forma não exaustiva, acessível ao público em geral.


Mais sobre mim

foto do autor


Calendário

Janeiro 2019

D S T Q Q S S
12345
6789101112
13141516171819
20212223242526
2728293031

Pesquisar

  Pesquisar no Blog