Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]




image.jpeg

A Meningite B é uma doença rara, mas grave, sobretudo nas crianças. Sabe-se que entre 5 a 14% dos casos podem ser fatais e entre 11 e 19% sobrevivem com alguma sequela de saúde a longo prazo, nomeadamente problemas neurológicos, perda de audição, cicatrizes cutâneas ou mesmo amputações.

O grupo mais afetado é o das crianças até 1 ano de idade, logo seguido de crianças até aos 4 anos.

 

Desde Julho de 2014 está disponível uma vacina para a Meningite B, com o nome comercial Bexserol. Desde então, muitos pediatras têm aconselhado a sua toma, apesar de não estar incluída no Plano Nacional de Vacinação (PNV) e ser muito dispendiosa (cerca de 98€ cada dose).

 

O plano para esta vacina é o seguinte:

image.jpeg

À pergunta feita sobre se se deve esperar para que a vacina faça parte do PNV, o conhecido pediatra Mário Cordeiro responde: "A vacina anti-meningococo B é provadamente eficaz e segura, caso contrário não teria sido autorizada pelas agências internacionais, europeias e pelo INFARMED. Esperar pode-se esperar, mas, que eu saiba, as vacinas não matam, as doenças sim. Enquanto se espera o meningococo não fica parado. Aliás, a ‘moda anti-vacina’, baseada em que ‘não são naturais’ ou que são uma conspiração das multinacionais é totalmente aberrante: milhões de vidas foram salvas devido às vacinas. Aliás, todos os que morreram e morrem por tuberculose ou sarampo ou meningites bacterianas gostariam de ter tido uma vacina que os salvasse.”

 

Mesmo a propósito, e foi mesmo por isso que me lembrei de fazer este post, no Reino Unido, uma petição para a inclusão desta vacina no plano de saúde para todas as crianças, bateu todos os recordes de assinaturas (617,5 mil), após a morte de uma menina de 2 anos.

No Reino Unido, a vacina contra a Meningite B está disponível no serviço público desde setembro de 2015, mas só para bebés com menos de 1 ano de idade.

 

A mãe da pequena Faye apoiou esta campanha, lançada em outubro, ao compartilhar uma imagem de sua filha pouco antes de sua morte em 14 de fevereiro. A menina não resistiu após 11 dias lutando contra a infecção.

 

image.png

Aqui fica mais um alerta para aqueles pais que insistem na não vacinação das suas crianças!

 

Para quando a inclusão de mais esta vacina no Plano Nacional de Vacinação em Portugal?

Será preciso termos sempre que falar em dinheiro para causas tão importantes como esta?

Isto sim, são prioridades: não deixar partir crianças que poderiam ter sido vacinadas.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 18:14

Imagens

Algumas das imagens presentes no blog são retiradas da Web. Na impossibilidade de as creditar corretamente agradeço que, caso alguns dos autores não autorize a sua publicação, entre em contato, para que as mesmas sejam retiradas de imediato.

Termo de responsabilidade

A informação contida neste blog não substitui o aconselhamento médico ou farmacêutico. O objetivo do blog, é informar sobre vários assuntos ligados à saúde em geral, e à farmácia em particular. Os vários temas são abordados de uma forma não exaustiva, acessível ao público em geral.



Mais sobre mim

foto do autor


Calendário

Março 2016

D S T Q Q S S
12345
6789101112
13141516171819
20212223242526
2728293031

Pesquisar

  Pesquisar no Blog