Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]




Dia Mundial Sem Tabaco

por dicasdefarmaceutica, em 31.05.18

21067B96-3FED-4EFC-9AD9-A7DB05B49741.jpeg

 

Comemora-se hoje o Dia Mundial sem Tabaco e o tema escolhido para este ano é: “O Tabaco Destrói Corações. Escolha Saúde, Diga Não Ao Tabaco”.

 

“O consumo de tabaco é a segunda principal causa de doença cardiovascular, a seguir à hipertensão arterial. O consumo de tabaco e a exposição ao fumo ambiental contribuem para aproximadamente 12% do total de mortes por doença cardíaca em todo o mundo. A epidemia global do tabaco mata mais de 7 milhões de pessoas por ano, no mundo, dos quais cerca de 900.000 são não fumadores que morrem por exposição ao fumo do tabaco.

Mesmo as pessoas que fumam menos de cinco cigarros por dia apresentam maior risco de desenvolver doença coronária, adverte a DGS”.

 

Os objetivos traçados pela OMS para o Dia Mundial Sem Tabaco 2018 são:

  • Destacar a relação entre o consumo de produtos do tabaco, a saúde do coração e as doenças cardiovasculares;
  • Aumentar a consciencialização da população sobre o impacto do consumo do tabaco e da exposição ao fumo ambiental na saúde cardiovascular;
  • Proporcionar oportunidades para o público, governos e outros assumirem medidas de promoção da saúde cardiovascular, protegendo as pessoas do consumo de tabaco;
  • Incentivar os países a intensificarem a implementação das medidas preconizadas pela Convenção-Quadro da OMS para o Controlo do Tabaco.

 

O tabaco constitui a principal causa de doença e mortalidade preveníveis nos países desenvolvidos. 

No âmbito deste dia e sabendo que as mulheres fumam cada vez mais, o Ministério da Saúde publicou ontem uma nova campanha para sensibilizar as mulheres a deixarem de fumar. Deixo-vos o filme desta campanha com o título“Opte Por Amar Mais”:

 

 

Amanhã é o Dia da Criança e este também é um bom tema para reflexão. É da responsabilidade de todos oferecer às crianças um bom ambiente para nascerem e crescerem saudáveis. Para tal  deve ser um ambiente livre de fumo do tabaco.

Não se esqueça: O SEU CIGARRO FAZ MAL ÀS CRIANÇAS!

 

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 12:23

35D7BBCD-576C-43DD-822A-F58ABF492C4A.png

Não costumo fazer propaganda a todas as atividades promovidas pelas farmácias, mas esta é na minha zona e, para além de fazer bem à saúde, tem um cariz solidário muito válido. 

 
As Farmácia Reis, Farmácia Central de Almada, Farmácia Nuno Álvares, Farmácia Cova da Piedade e Farmácia Holon Pragal, promovem em conjunto com a Câmara Municipal de Almada, Juntas de Freguesia de Almada, Pragal, Cova da Piedade e Cacilhas, ARPIFC, Associação “O Farol”, Bombeiros Voluntário de Cacilhas, Escola Secundária de Cacilhas-Tejo e Associação do Comércio, Industria, Serviços e Turismo do Distrito de Setúbal, pelo 5º consecutivo, a “Caminhada Solidária pela Saúde e pela Cultura.
Esta iniciativa tem como objetivo angariar donativos para a Associação de Reformados, Pensionistas e Idosos da Freguesia de Cacilhas e promover um estilo de vida mais saudável.

 

A 5ª Caminhada Solidária pela Saúde e pela Cultura irá decorrer no dia 2 de Junho, pelas 9h30. O valor da inscrição é de 2,5 euros  e reverte na totalidade para a Associação de Reformados, Pensionistas e Idosos da Freguesia de Cacilhas.

Os participantes devem fazer a sua inscrição na Farmácia Reis, Farmácia Central de Almada, Farmácia Nuno Álvares, Farmácia Cova da Piedade e Farmácia Holon Pragal, na ARPIFC ou na Escola Secundária Cacilhas até dia 01 de junho, mediante um donativo de 2,5 euros.

 

Cada participante irá receber uma t-shirt toda gira, um saco mochila e um porta receitas Holon. “Mexa-se pela sua saúde!” Aproveite para conhecer melhor o concelho de Almada e a sua cultura!

  

6ABFB688-AC5C-41DF-A213-9840EA3CC4D5.png  

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 19:26

50515036-28BB-47D8-B5B7-82CA0AA7ADA6.jpeg

Easy4Colon é um projeto digital que pretende ajudar as pessoas na preparação intestinal para a colonoscopia.

 

 A colonoscopia é um exame de rastreio que pode ser usado tanto para fins de diagnóstico de doenças do cólon e do reto, como para fins de tratamento dessas doenças.

Sabe-se que apenas a colonoscopia permite visualizar de forma eficaz todo o cólon. Para que tal aconteça, o doente deve fazer uma preparação eficaz que garanta uma limpeza total do cólon, o que nem sempre acontece.

 

Realmente, por experiência própria, posso dizer-vos que o exame não custa nada (claro que fiz com sedação!), mas a preparação não é nada agradável e é preciso estar bem esclarecido sobre as inúmeras vantagens deste exame para não desistir aos primeiros golos daqueles líquidos horríveis que nos dizem para beber na véspera do exame. Garanto-vos, uns são melhores do que outros, mas nenhum é suficientemente bom para nos compensar aquele dia de (quase) jejum.

Os doentes que necessitam fazer uma colonoscopia têm frequentemente muitas dúvidas sobre este exame e, muitas vezes, essas dúvidas e receios fazem com que vão adiando este rastreio por meses ou até alguns anos.

 

De forma a simplificar o processo de preparação do respetivo exame e eliminar potenciais receios, foi desenvolvida a plataforma Easy4Colon. Esta plataforma permite ao doente simplificar toda a preparação para a colonoscopia, alertando sobre as várias etapas da preparação, horários e tirando dúvidas ao longo de toda a etapa, que deve ser realizada com todo o rigor, para que o exame seja eficaz.

 

Através da plataforma Easy4Colon, basta apenas que a entidade, o médico ou o paciente se registe no site e a partir desse momento a plataforma irá proceder à gestão e envio de informação inerente à preparação para o respetivo exame

Ao longo de semanas e dias que antecedem a colonoscopia, o paciente irá receber alertas no seu email ou telemóvel sobre os cuidados a ter para a preparação do seu exame, sendo mais fácil cumprir os pressupostos necessários sem descurar nenhuma etapa.

 

Mais uma ferramenta digital para ajudar na realização de um rastreio importante. Com esta plataforma, com o seu médico e com o seu farmacêutico, vai sentir-se mais acompanhado e mais informado sobre o que é e para que serve a colonoscopia.

 

Pode também consultar AQUI a norma da DGS (Direção Geral da Saúde) sobre a Colonoscopia diagnóstica/terapêutica no adulto.

 

Com o apoio de:

 5BEEE663-80F3-42CA-BC28-E2BD9D7DCC11.png

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 19:07

605EEA25-CC37-4307-8603-71006EF2DEA2.png

 

Estamos na Semana Internacional da Tiroide e amanhã é o Dia Mundial da Tiroide.  Vamos falar um pouco deste painel de controlo do nosso corpo. É este o mote da 10ª Semana Internacional da Tiroide, uma iniciativa da Federação Internacional da Tiroide que, em Portugal, é liderada pela Associação das Doenças da Tiroide (ADTI).

 

Sintomas como alterações de peso, temperatura irregular, palpitações cardíacas e cansaço excessivo, podem ser indicadores de distúrbios na tiroide. Por vezes são sintomas comuns a outras doenças, sendo desvalorizados, o que atrasa muitos diagnósticos desta doença que, quando está presente, deve ser controlada o mais rapidamente possível.

  

Nestas semanas, convém falarmos de números:

As mulheres apresentam 4-7 vezes mais alterações na tiroide do que os homens;

O hipotiroidismo afeta até 10 vezes mais mulheres do que homens;

Estima-se que cerca de 5% das mulheres grávidas desenvolvem hipotiroidismo;

Entre 160-175 milhões de mulheres no mundo vivem com algum tipo de doença da tiroide, mas estima-se que cerca de 50% estejam por diagnosticar;

As doenças da tiroide atingem, em todo o mundo, mais de 300 milhões de pessoas; 
 
As doenças da tiroide são patologias muito frequentes que afetam sobretudo mulheres e cujos principais distúrbios são o hipotiroidismo e o hipertiroidismo;
 
As mulheres são as principais afetadas por esta doença, no entanto os homens também são afectados por distúrbios da tiroide;
 
O hipotiroidismo é a doença da tiroide mais frequentemente encontrada;
 
Em Portugal estima-se em cerca de 10% a incidência das doenças tiroideias, o que significa cerca de um milhão de doentes, estando grande parte delas por diagnosticar;
 
Em Portugal estima-se que uma em cada dez pessoas sofra de problemas de tiroide.
 
 
Este ano, a ADTI irá estar presente amanhã, dia 25, na Estação Ferroviária do Cais do Sodré, em Lisboa, entre as 09h00 e as 17h00, numa iniciativa de sensibilização onde será possível fazer rastreio ao hipotiroidismo e aprender mais sobre as principais doenças da tiroide. Este espaço vai contemplar várias zonas:
  • Zona de rastreios
    • Rastreios gratuitos
    • Acompanhamento médico
  • Zona de palpação
    • Awareness para autodeteção de sinais e sintomas externos
  • Zona ADTI
    • Informação sobre a Associação das Doenças da Tiróide
    • Apoio e informação à comunidade sobre as disfunções da tiróide e como lidar com a doença no dia a dia
  • Zona Ordem dos Farmacêuticos
    • Sessões formativas
    • Vídeos educacionais
    • Palestras
  • Quiz
    • Teste os seus conhecimentos no Quiz “Tira-Teimas” e desafie os seus amigos.
 
Esta iniciativa conta com o apoio da Sociedade Portuguesa de Endocrinologia, Diabetes e Metabolismo, da Geração Saudável (Ordem dos Farmacêuticos), da Merck e das Infraestruturas de Portugal.
 
Se puder, apareça ou dirija-se ao médico com as suas dúvidas! Venha “assumir o controlo”! 
Saber reconhecer os sinais associados às disfunções desta glândula é crucial para um diagnóstico e tratamento precoces, de forma a controlar eficazmente a doença. 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 18:49

 

9821BB8B-1221-4077-93E9-06306B9ADC90.jpeg

 

As doenças cardiovasculares são das que mais nos preocupam e andamos sempre a tentar arranjar mecanismos para a sua prevenção. Exercício físico e alimentação cuidada estão no topo da lista das medidas preventivas. Que exercício? Quais os melhores alimentos para incluir na dieta diária? 

Um estudo recente realizado na China e publicado na revista Heart refere que o consumo diário de um ovo pode reduzir significativamente o risco das doenças cardiovasculares.

Tinha que falar disto, pois adoro ovos e acho que é mesmo dos alimentos mais consensuais e mais fáceis de preparar. Que tal um ovo cozido partido numa tigela de sopa? Ou misturado na salada? Nada mais fácil. Também para levar em qualquer marmita é um alimento de eleição...

 

Neste estudo foram analisados os hábitos de consumo de cerca de meio milhão de chineses entre os 30 e os 79 anos.Os participantes no estudo que consomem ovos viram o risco de doença cardiovascular diminuir 18% e o de AVC reduzir 26%. O consumo diário de ovos levou também a uma redução de 25% no risco de cardiopatia isquémica.

Trata-se de um estudo apenas de observação, mas o tamanho da amostra faz com que seja significativo.

 

Há muita gente que tem medo de comer ovos por causa do colesterol. É verdade que os ovos (a gema) têm colesterol, mas quando consumidos moderadamente (um por dia), não são eles os “maus da fita” neste campo. Convém escolher também a melhor forma de os cozinhar. Claro que um ovo estrelado ou mexido, ao qual se adiciona a gordura durante o processo, fará pior do que um ovo cozido ou escalfado.

 

O ovo pode ser incluído em qualquer refeição do dia e contém apenas 75 calorias. Parece que que estou a fazer propaganda aos ovos, mas é só mais uma dica para manter a boa saúde e prevenir a doença. Foi ”o minuto do bem”, como diria a nossa amiga Bélinha nas “Manhãs da Comercial”.

 

 

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 16:26

E9516AAD-02A0-430A-9C6D-B9E540986D05.jpeg

 

Foi este o lema da campanha deste ano para assinalar o Dia Mundial da Hipertensão, que se comemorou no passado dia 17 de Maio.

No sentido de dar continuidade ao objetivo de conhecer os valores de pressão arterial (PA) dos portugueses, a Sociedade Portuguesa de Hipertensão (SPH) associou-se pela primeira vez, ao maior registo mundial de Hipertensão Arterial (HTA), o May Measurement Month (MMM - Maio, o Mês da Medição).

O MMM é o nome da iniciativa da International Society of Hypertension (ISH), apoiada pela World Hypertension League (WHL), que tem como objetivo continuar a sensibilizar a população para a necessidade de medir a sua pressão arterial.

De acordo com a informação da SPH, os centros envolvidos nesta iniciativa foram: o Centro de Saúde São João da Madeira, Hospital Egas Moniz do Centro Hospitalar Lisboa Ocidental, Hospital Garcia da Orta, Hospital Pêro da Covilhã do Centro Hospitalar Cova da Beira, Hospital São Sebastião do Centro Hospitalar Entre Vouga e Douro.

 

A Hipertensão Arterial é uma doença silenciosa que afeta 42% dos portugueses. 70% das pessoas com mais de 65 anos sofre de hipertensão.

 

O que fazer para controlar a Pressão Arterial?

- Medir a PA frequentemente (os valores devem ser inferiores a 140/90).

- Praticar exercício físico regular.

- Adotar uma alimentação saudável, com baixo teor de sal.

- Evitar o consumo de bebidas alcóolicas.

- Não fumar.

- Cumprir com rigor a medicação prescrita pelo médico.

 

Cumpre aos profissionais de saúde, nomeadamente aos farmacêuticos, a promoção de estilos de vida saudáveis, a ajuda no controlo dos valores da pressão arterial e na adesão à terapêutica.

Deve existir também, cada vez mais, a preocupação de promover terapêuticas e posologias simples e simultaneamente eficazes.

 

Peça ajuda ao seu farmacêutico! Saiba os seus valores de Pressão Arterial! 

Só sabendo os seus valores, é que pode estar controlado e ajudar o seu médico na difícil tarefa de “controlar” a sua saúde...

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 15:27

Nas Farmácias aderentes “Dê Troco a Quem Precisa”

por dicasdefarmaceutica, em 18.05.18

 

1F876F4F-4C53-4D5D-B6E2-F8D104969884.jpeg

 

Começou no dia 14 de Maio a segunda edição da campanha “Dê Troco a Quem Precisa” nas farmácias aderentes.

Esta campanha tem como objetivo ajudar a população carenciada a adquirir medicação. 1 em cada 10 doentes não compra toda a medicação prescrita por falta de dinheiro e quem os atende todos os dias sabe que isto é uma realidade. Já me chegaram a perguntar: “Qual é a doença mais grave? É que não tenho dinheiro para tudo...”

 

Dê Troco a Quem Precisa” é um projeto promovido pelo Programa abem, Rede Solidária do Medicamento e convida os portugueses a doar o troco das suas compras ao fundo solidário abem.

 

49B5C33B-321D-48E6-B339-90B1BC6DF6D3.jpeg

  

Assente numa rede de parcerias com entidades locais que referenciam o programa às famílias em risco, o abem está presente em praticamente todo o país. Os beneficiários do projeto recebem um cartão que pode ser utilizado na farmácia para levantar os medicamentos de que necessitam, sem qualquer custo.

Ao todo, e a nível nacional, contabilizam-se 4123 beneficiários e 72 entidades parceiras, e, desde a sua origem, em maio de 2016, já foram adquiridos 74017 medicamentos. Para o futuro, o Programa abem ambiciona atingir 25 mil pessoas em situação de carência de medicação até ao final de 2018 e 50 mil até ao final de 2019.

 

Já sabe, se quiser e puder ajudar, “Dê Troco a Quem Precisa” até ao dia 25 de Maio!

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 10:39

Asma e Poluição Ambiental

por dicasdefarmaceutica, em 04.05.18

 

A23B630C-AC77-445D-9AEE-D0625AA583D0.jpeg

 

O Dia Mundial da Asma celebra-se anualmente na primeira terça-feira do mês de maio. Ainda vou a tempo de abordar o assunto.

 

A asma é uma doença crónica muito comum e que afeta a passagem de ar de e para os pulmões, causando inflamação das vias respiratórias e dificuldade em respirar. Ela afeta mais as crianças do que os adultos e estima-se se que mais de um milhão de portugueses sofram de asma.

 

Sobre esta doença já falei várias vezes AQUI no blog, mas a sua relação com as condições ambientais é cada vez mais um assunto do dia e é considerado um grave problema de saúde pública em todo o mundo.

 

A poluição aumenta as exacerbações de asma e as infeções respiratórias que, por sua vez, pioram a asma. Além disso, alguns estudos têm sugerido que a poluição pode também aumentar a chance de uma pessoa desenvolver asma.

 

Segundo dados da Organização Mundial de Saúde, na população mundial, nove em cada dez pessoas respiram ar poluído e contaminado e todos os anos morrem sete milhões de pessoas por causas diretamente relacionadas com a poluição.

Os níveis de contaminação permanecem perigosamente elevados em várias regiões do globo. Os países mais pobres, na Ásia, África e Médio Oriente, são os que registam a maior percentagem de mortalidade causada pela poluição, que apresenta níveis cinco vezes superiores ao estabelecido pela OMS. 

 

Portugal não está nos países mais preocupantes neste campo pois, segundo os especialistas, na sua globalidade, a qualidade do ar atmosférico é bastante razoável. Claro que isto acontece se falarmos fora das grandes cidades, como Lisboa e Porto, e quando não há fenómenos associados aos incêndios florestais. Esperemos que este ano estejamos mais protegidos neste campo...

Em Portugal, a qualidade do ar é monitorizada englobando cinco poluentes: monóxido de carbono, dióxido de azoto, dióxido de enxofre, ozono e partículas finas ou inaláveis (que têm influência direta na saúde humana).

 

A poluição ambiental é o maior desafio para a saúde pública mundial. Controlar o tráfego, promovendo a utilização dos transportes públicos e outros meios para chegar ao destino deveria ser uma das mais importantes prioridades dos nossos governantes, mas com os preços praticados nos nossos transportes públicos, torna-se difícil mentalizar as pessoas que este deverá ser o meio mais correto para as deslocações diárias.

Está a ser feito um esforço, mas ainda estamos longe de alcançar os objetivos propostos para as nossas cidades. 

Também não deveria falar de poluição e asma sem falar do tabaco, mas este assunto fica para outro dia...

 

Temos todos que tratar de ver cada vez menos destas caras lindas a utilizar estes dispositivos.

33C4D362-61A0-4622-BA0F-6B051B947C65.jpeg

 Bom fim-de-semana! 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 10:54

Imagens

Algumas das imagens presentes no blog são retiradas da Web. Na impossibilidade de as creditar corretamente agradeço que, caso alguns dos autores não autorize a sua publicação, entre em contato, para que as mesmas sejam retiradas de imediato.

Termo de responsabilidade

A informação contida neste blog não substitui o aconselhamento médico ou farmacêutico. O objetivo do blog, é informar sobre vários assuntos ligados à saúde em geral, e à farmácia em particular. Os vários temas são abordados de uma forma não exaustiva, acessível ao público em geral.


Mais sobre mim

foto do autor


Calendário

Maio 2018

D S T Q Q S S
12345
6789101112
13141516171819
20212223242526
2728293031

Pesquisar

  Pesquisar no Blog