Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]




image_2016-08-05_14-17-27.jpeg

Muito se fala da adesão à terapêutica, sobretudo do que falha quando a terapêutica não é feita de acordo com a prescrição. 

Perguntamos: o que falhou? Na maioria das vezes, os doentes vão à farmácia com a receita, compram tudo o que o médico mandou, parece que percebem todas as indicações do farmacêutico mas depois, sobretudo com o avançar dos meses, tudo o que foi dito parece que se apaga das cabeças de quem já está saturado de ser doente. Isto acontece sobretudo com os doentes crónicos, que são aqueles que nos causam maior preocupação.

E quem vigia isto? Na maioria das vezes, ninguém. Só quando os problemas surgem, é que aparecem as perguntas, tentando achar respostas, muitas vezes já sem solução.

 

Por vezes, algumas intervenções simples, são suficientes para melhorar a adesão à terapêutica, como é o caso de caixas de medicamentos, especialmente desenhadas com divisões e compartimentos que separam as tomas por dias e horas, consoante as necessidades de cada doente.

 

Existem caixas muito simples, só com 4 ou 7 divisões, apropriadas para um único dia (pequeno-almoço, almoço, lanche e jantar) ou para uma semana. Existem também as mais completas, parecendo ser "feitas à medida de cada doente".

 

As Pilbox são as mais conhecidas, disponibilizando uma gama alargada de caixas, de modo a contribuir eficazmente para o uso racional do medicamento e para o aumento da adesão à terapêutica. Estas caixas inovam ainda pela variedade e qualidade dos materiais utilizados, e pelo seu design e ergonomia.

O próprio doente ou o seu cuidador vai ter a sua vida mais facilitada com a utilização destas caixas.

image_2016-08-05_14-18-02.jpeg

Vantagens Pilbox:

- Simplifica a toma da medicação

- Facilita a organização e transporte

- Previne falhas e esquecimentos

- Ideal para diferentes estilos de vida

- Adapta-se a diferentes tratamentos

- Aumenta a adesão à terapêutica

 

Quem trata da medicação de doentes crónicos, não pode dispensar o dispositivo para cortar comprimidos, já que continuam a existir muitas posologias que contemplam o meio comprimido (veja aqui as regras para cortar comprimidos).

image_2016-08-05_14-19-01.jpeg

 

Existem também e já a funcionar nalgumas das nossas farmácias, a Preparação Individualizada da Medicação (PIM).

image_2016-08-10_11-28-43.jpeg

Este é “um método útil de gestão da terapêutica em doentes idosos e polimedicados, permitindo maior facilidade na administração do medicamento certo no dia e horas certos”.

Apesar de ser um serviço pago pelo doente, vale a pena recorrer a ele, uma vez que é executado por pessoal especializado e é muito fácil qualquer idoso ou cuidador se adaptar a esta forma de organização e administração dos medicamentos.

 

Está provado que a introdução da PIM se revela “numa maior adesão à terapêutica por parte do doente, com claros benefícios em termos de efectividade e segurança do medicamento, conduzindo consequentemente a uma melhor qualidade de vida”. Veja se este serviço já está disponível na sua farmácia!

 

Seja através da PIM ou através de simples caixas, é fundamental fazer a revisão de toda a medicação prescrita (idealmente, uma vez por mês). Só desta forma, teremos consciência do que está realmente a acontecer, caso a caso, de forma a actuar também em cada situação. Mas este é outro tema e voltarei a ele em breve...

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 19:40

Imagens

Algumas das imagens presentes no blog são retiradas da Web. Na impossibilidade de as creditar corretamente agradeço que, caso alguns dos autores não autorize a sua publicação, entre em contato, para que as mesmas sejam retiradas de imediato.

Termo de responsabilidade

A informação contida neste blog não substitui o aconselhamento médico ou farmacêutico. O objetivo do blog, é informar sobre vários assuntos ligados à saúde em geral, e à farmácia em particular. Os vários temas são abordados de uma forma não exaustiva, acessível ao público em geral.


Mais sobre mim

foto do autor


Calendário

Agosto 2016

D S T Q Q S S
123456
78910111213
14151617181920
21222324252627
28293031

Pesquisar

  Pesquisar no Blog