Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]




O que o Brexit pode fazer aos medicamentos

por dicasdefarmaceutica, em 28.06.16

image.jpeg

Muita pesquisa, muitos artigos e muita informação sobre medicamentos vêm da capital britânica. A saída do Reino Unido da União Europeia terá de certeza consequências no sector farmacêutico.

 

Para já e como consequência imediata ao referendo do dia 23 de junho, a Agência Europeia de Medicamentos (EMA - European Medicines Agency), agora sediada em Londres, terá que mudar de país. São já vários os países interessados em "acolher" esta Agência, que é a responsável pela introdução de novos tratamentos na União Europeia.

 

A comunidade de pesquisa britânica vê o Brexit como uma séria ameaça ao financiamento e inovação, havendo mesmo quem fale de "um desastre para a ciência britânica", principalmente porque pode impedir que jovens cientistas migrem livremente dentro da Europa, como aconteceu até agora.

 

Sabe-se que 16 por cento dos artigos de maior impacto de todo o mundo, vêm do Reino Unido, de modo que os seus pedidos de financiamento sempre foram bem recebidos em Bruxelas. A partir de agora, a investigação vinda daquela parte do globo, pode ser bem mais lenta e os novos medicamentos podem demorar a chegar.

 

A indústria farmacêutica sediada no Reino Unido já mostrou a sua preeocupação, mas empresas "gigantes" como a GlaxoSmithKline (GSK) ou a AstraZneca tudo farão para que a saída da União Europeia não afete o acesso aos medicamentos, sobretudo aos medicamentos inovadores.

 

Claro que agora só se fala do Brexit e das possíveis consequências negativas do mesmo. A incerteza na situação económica e política do país afeta todos os ramos e a indústria farmacêutica não é excepção.

Só o futuro nos dirá o que poderá acontecer e quais as verdadeiras consequências do Brexit.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 19:45

Vai viajar? Este Kit de Farmácia é indispensável

por dicasdefarmaceutica, em 26.06.16

image.jpeg

 

Viajar é bom, é mesmo muito bom, mas como "mais vale prevenir do que remediar", é fundamental organizar um Kit de Farmácia antes de qualquer viagem, de modo a salvaguardar qualquer imprevisto.

Isto poderá não ter muita importância quando a viagem é para a Europa ou para uma cidade como Nova York, mas para alguns destinos mais exóticos, como a Ásia, África ou mesmo as Caraíbas, este kit pode livrar-nos de muitas preocupações e deslocações desnecessárias.

 

Estamos na última semana de junho e começam os preparativos para as viagens de férias. Quando fizerem a vossa lista de coisas para levar, já sabem, os medicamentos devem estar no topo dessa lista.

 

Lista de Medicamentos:

- Analgésicos (dores) e antipiréticos (febre) . Ex: Ben-u-ron, Brufen

- Antigripal. Ex: Griponal, Cêgripe

- Gotas descongestionantes para o nariz (também vão dar jeito no avião). Ex: Soro fisiológico (doses unitárias), Vibrocil

- Medicamento para a diarreia. Ex: Imodium (o rapid dissolve-se na boca e é mais rápido a actuar)

- Medicamento para a prisão de ventre. Ex: Dulcolax, Microlax

- Normalizador da flora intestinal. Ex: UL 250 (comprimidos ou saquetas)

- Sais de re-hidratação oral. Ex: Redrate

- Anti-histamínico (alergias). Ex: Fenistil (comprimidos e pomada)

- Pomada com antibiótico. Ex: Bacitracina

- Pomada anti-fúngica. Ex: Canesten

- Antiácidos (azia e indigestão). Ex: Pastilhas Rennie

- Antiespasmódico (dor e desconforto abdominal). Ex. Buscopan

- Comprimidos para o enjoo. Ex. Vomidrine

- Antibiótico de largo espectro (pedir receita e aconselhar-se com o médico).

 

Outros:

- Repelente de insectos. Ex: Previpiq, Pré-butix

- Protetor solar.

- Pensos rápidos.

- Solução desinfetante (pode ser em toalhetes).

- Ligadura elástica autoaderente.

- Tampões para os ouvidos.

- Preservativos.

 

Além destas listas, deverão sempre incluir toda a medicação crónica para todo o período da viagem, seja ela de uma semana, um mês ou seis meses, pois os medicamentos diferem de país para país e o acesso aos mesmos também não é sempre o mesmo. Além disso, devem levar fotocópias das receitas médicas e/ou comprovativos médicos de todos os tratamentos que estão a fazer. Isto é uma regra crucial em muitos países onde a entrada com alguns medicamentos pode ser dificultada.

 

Muito importante também é verificarem quais as vacinas obrigatórias e as aconselhadas para cada país. A consulta do viajante é importante e pode dar-vos uma boa ajuda.

 

image.jpeg

 

Estão a ler isto e estão a perguntar: "numa mochila, como vou transportar isto tudo?" 

image.jpeg

 

Aqui ficam algumas dicas: 

- Na realidade, os medicamentos devem ser sempre transportados nas suas embalagens originais (caixas, blisters ou frascos e folhetos informativos). Como temos que facilitar, aconselho a que conservem os medicamentos nos blisters (que têm inscrito o nome e a validade), colocando-os numa bolsa de fácil transporte.

 

image.jpeg

 

 

image.jpeg

 - Os folhetos informativos, em caso de qualquer dúvida, vão presos numa mola ou elástico e, deste modo, cabem em qualquer cantinho da mochila.

image.jpeg

- Sempre à mão, aconselho que levem uma daquelas caixas de comprimidos que as farmácias nos oferecem com comprimidos analgésicos e antipiréticos, com um anti-diarreico, com um anti-alérgico e, se for caso disso, com comprimidos para o enjoo. Na viagem, devem também ter convosco as gotas descongestionantes para o nariz, que podem ser úteis durante a aterragem.

image.jpeg

Não facilitem! Previnam-se e a viagem vai correr muito melhor!

Boa férias! Boas viagens, com muita saúde!

 

image.jpeg

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 18:37

image.jpeg

Na comemoração dos seus 150 anos, a Nestlé assumiu o compromisso de continuar a investir na nutrição, de forma a controlar e prevenir doenças.

image.png

"Estamos em 1867 na Suíça, e um bebé prematuro não pode ser amamentado, o que é preocupante numa época em que muitas crianças morrem de desnutrição, devido à falta de alternativas eficazes ao leite materno. Henri Nestlé tem conhecimento deste caso e alimenta a criança com a sua nova “farine lactée” (farinha láctea – alimento para crianças). É o único produto que o menino pode digerir e ele sobrevive."

 

image.jpeg

 

Foram muitos os produtos de sucesso da Nestlé durante estes 150 anos. Hoje o portefólio da Nestlé abrange bebidas, águas, produtos lácteos, produtos de confeitaria, produtos para animais de companhia e até produtos para cuidados com a pele.

 

Em 2011, a empresa ampliou a sua liderança em Nutrição, criando o negócio Nestlé Health Science, para desenvolver produtos nutricionais benéficos para a saúde e bem-estar.

Nos últimos dois anos, a Nestlé retirou 8600 toneladas de açúcar do seu portefólio de produtos alimentares, bem como 260 toneladas de sódio e 440 toneladas de gordura saturada.

A empresa vai anunciar novos compromissos de nutrição e saúde nos próximos meses.

 

A Companhia está neste momento a investigar de que forma é que a genética e outros fatores individuais definem ‘a melhor alimentação para cada pessoa’. “A próxima era da nutrição vai ser baseada na ciência e personalizada, de modo a desempenhar um papel fundamental no controlo e prevenção de doenças”, conclui Luis Cantarell, Vice-Presidente Executivo da Nestlé para a Europa, Médio Oriente e Norte de África.

 

Quando estava a fazer este post, li mais uma notícia que prova o que acabei de relatar: de acordo com dados da Organização Mundial de Saúde (OMS), cerca de 250 a 500 milhões de crianças em idade pré-escolar apresentam défice de vitamina A, sendo que grande parte destas acaba por cegar e cerca de metade morre por desnutrição antes de atingir um ano de idade.

Assim, com o objetivo de ajudar a combater este défice, a Nestlé assumiu para 2016, o compromisso de disponibilizar 200 biliões de refeições ricas em ferro, iodo, vitamina A e zinco.

image.jpeg

Parabéns Nestlé! Obrigada por estes 150 anos a cuidar da nossa saúde!

image.png

 Fonte das imagens deste post: Nestlé

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 08:19

image.png

Com a ajuda da Fada dos Dentes AloBaby® e dos papás e mamãs portugueses, “o nascer do primeiro sorriso agora faz sorrir outros bebés” e crianças, como afirma o claim da campanha de parceria entre AloBaby® Primeiros Dentes e a Terra dos Sonhos.

 

Conhecem a história da Fada dos dentes? Quando os meninos perdem os seus dentinhos de leite, a Fada dos dentes fará uma experiência mágica: torna-se invisível, recolhe os dentinhos e deixa uma moeda ou um presente no seu lugar. Os dentinhos serão então transformados em estrelas e arrumados no céu. Que história deliciosa!

Desta vez venho falar-vos de uma nova história para a Fada dos dentes: em vez de oferecer uma moedinha por cada dente que cai, como conta a fábula, a Fada dos dentes  irá fazê-lo por cada novo dente que nasce na boca do bebé.

 

De uma forma solidária, por cada compra de uma embalagem de AloBaby® Primeiros Dentes, 0,50€ Revertem a favor da instituição Terra dos Sonhos, que se dedica a concretizar os sonhos de crianças e jovens diagnosticados com doenças crónicas, institucionalizados e idosos.

 

 image.jpeg

Já conhece o Alobaby? Veja AQUI como funciona para ajudar os dentinhos do seu bebé.

image.jpeg

"A principal actividade da Terra dos Sonhos consiste na realização dos sonhos de crianças e jovens diagnosticados com doenças crónicas e/ou em estado avançado de doença, crianças e jovens carenciadas e idosos, como forma de transmitir uma mensagem de esperança na possibilidade de realização dos seus objectivos mais inspiradores, independentemente de circunstâncias, condicionamentos e limitações."

 

image.png

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 07:58

Novo Plano de Vacinação a partir de 2017

por dicasdefarmaceutica, em 22.06.16

image.jpeg

O novo Plano de Vacinação entrará em vigor a partir de janeiro de 2017. São várias as alterações ao plano anterior:

- BCG: vai ser dada apenas a crianças pertencentes a grupos de risco, nomeadamente nas zonas em que a prevalência de tuberculose é mais elevada (Lisboa e Porto).

- HPV (Vírus do Papiloma Humano): a eficácia comprovado desta vacina (superior a 90%) contra o cancro do colo do útero, é responsável por esta alteração que visa a administração a todas as raparigas aos 10 anos de idade.

- Vacina Hexavalente (Hepatite B, Haemophilus influenza tipo B, Difteria, Tétano, Tosse convulsa e Poliomielite): seis vacinas administradas numa picada única aos bebés aos 2 e aos 6 meses.

- Tétano: passa a ter maiores intervalos entre as administrações, nomeadamente aos 10, 25, 45 e 65 anos. A partir dos 65 anos deverá ser administrada de 10 em 10 anos.

- Meningite B: passa a ser gratuita a crianças que, por razões clínicas, têm défices de imunidade.

- Tosse convulsa em grávidas: Vai ser administrada a grávidas para proteger as crianças da tosse convulsa até estas serem vacinadas aos 2 meses (este ano morreram em Portugal dois recém-nascidos com tosse convulsa).

 

Outra novidade a partir de 2017, é que o registo das vacinas vai ser eletrónico.

 

Estas mudanças têm sempre que acontecer, pois a vacinação deve ser um processo dinâmico. Conforme as características e a epidemiologia das doenças, assim as vacinas devem ser adaptadas à realidade de cada zona ou de cada país.

 

"As vacinas melhoram a saúde e o bem-estar dos povos, contribuem para a eficiência e sustentabilidade dos serviços de saúde e são um fator de desenvolvimento."

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 08:04

Exercício físico na dose certa...

por dicasdefarmaceutica, em 21.06.16

image.jpeg

Para prevenir doenças, já não restam dúvidas: é necessário exercício físico regular. E isso é o quê? Que tipo de exercício? Quanto tempo por semana?

 

No último relatório para a atividade física, a Organização Mundial de Saúde (OMS) recomenda: para se ser saudável, são necessários 150 minutos de atividade física por semana para os adultos e 60 minutos por dia para as crianças e jovens.

 

Ok, e agora, que tipo de exercício?

Para os adultos, a OMS recomenda atividade física de tipo aeróbico, de intensidade moderada. Para as crianças e jovens, recomenda qualquer tipo de exercício de atividade física moderada a intensa.

 

Como vêem, basta uma caminhada de 20 minutos por dia e nós, adultos, ficamos a saber que no que toca ao exercício, o dever está cumprido.

 

Com estas recomendações a OMS pretende reduzir em 10% a inatividade física, até 2025, reduzindo assim um dos grandes fatores de risco para a saúde.

 

Os números dizem que 10% das mortes na Europa devem-se à inatividade física, sendo esta também responsável por:

- 5% das doenças coronárias

- 7% dos casos de diabetes tipo 2

- 9% dos tumores da mama

- 10% dos cancro do cólon

 

Querem mais motivos para sair do sofá?

Não é necessário (nem saudável para grande parte dos adultos) passar horas no ginásio a transpirar e a "fazer músculo", mas exercitar o corpo deve ser considerado uma rotina diária e deve estar sempre contemplado na agenda diária de cada um.

Se o que gosta é do ginásio, não falte! Se gosta mais de atividades ao ar livre, ponha também na agenda e cumpra mais este dever!

 

Exercício físico na dose certa é uma receita de todas as especialidades médicas e um conselho da Organização Mundial de Saúde.

As cidades vão-se adaptando aos poucos a esta nova forma de estar...por todo o lado, aparecem parques, ciclovias e outros meios para não haver desculpas...

 

Além do almocinho de fim-de-semana, que tal uma caminhada logo pela manhã para abrir o apetite? Pode mesmo ser na praia, à beira-mar. Esta é uma boa altura para criar este hábito saudável e aproveitar o fim-de-semana, não só para conviver, mas também para exercitar o corpo. Com amigos, ainda vai ser mais divertido!

 

"Mexa-se pela sua saúde!"

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 12:50

image.jpeg

Enquanto vencedora do prémio Distinção Notável para a Redução do Consumo de Sal na População (Dietary Salt Reduction at a Population Level Notable Achievement) da Liga Mundial de Hipertensão (World Hypertension League), a Sociedade Portuguesa de Hipertensão (SPH) foi formalmente homenageada durante a Reunião Europeia de Hipertensão, que teve lugar em Paris, entre 10 e 13 de junho.

 

Sabendo que reduzir o sal na alimentação é um dos meios mais eficazes para reduzir a incidência da hipertensão e doenças relacionadas, a Sociedade Portuguesa de Hipertensão foca grande parte do seu trabalho nesta luta, que teve como ajuda a lei que estabelece os limites máximos para o teor de sal no pão, e que data de 2009.

 

Assim, sabendo que apesar dos resultados positivos,  a prevalência de doentes hipertensos em Portugal é ainda muito elevada e que a percentagem de mortes por AVC é também das mais altas da Europa, são três os objetivos da Sociedade Portuguesa de Hipertensão para os próximos cinco anos:

1 - Redução do consumo médio de sal na população portuguesa abaixo de 10 gramas/dia até 2020.

2 - Reduzir os gastos em saúde relacionados com a doença cardiovascular, como uma consequência da redução do consumo de sal.

3 - Sensibilizar a população e aumentar a literacia da saúde pública relativamente aos riscos do consumo de sal e às formas de o combater.

image.jpeg

Na sequência deste assunto, aqui ficam algumas dicas para reduzir o consumo de sal:

- Leia os rótulos (pode vir teor de sal, sódio, glutamato monossódico ou bicarbonato de sódio).

- Evite o sal (1colher de sobremesa é a dose diária) nos cozinhados.

- Não leve o saleiro para a mesa.

- Prefira os alimentos frescos, evitando os pré-preparados.

- Utilize sumo de limão para temperar, noz moscada, pimenta e ervas aromáticas (hortelã, salsa, coentros, etc...)

- Cozinhe a vapor.

- Utilize bacalhau sempre bem demolhado.

- Prefira os sumos naturais; alguns dos embalados têm sódio.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 17:54

Óculos de Sol não são só para o charme...

por dicasdefarmaceutica, em 16.06.16

image.jpeg

Usar óculos de sol não é mesmo para o charme; a proteção do olhos é fundamental, sobretudo nesta altura do ano. Podemos mesmo dizer que o cuidado com os olhos é tão importante como o cuidado com a pele.

 

Apesar do olho humano dispor de um complexo sistema de filtragem dos raios solares, este não é suficiente. É recomendável utilizar filtros artificiais, os chamados óculos de sol. Estes devem cumprir todos os requisitos e a qualidade das lentes é fundamental.

 

Uma lente de proteção solar deve cumprir simultaneamente três condições:

1 - Filtrar de forma eficaz a intensidade luminosa.

2 - Filtrar totalmente a radiação ultravioleta.

3 - Ter qualidade óptica.

 

Além disso, uns bons óculos de sol devem cumprir outros requisitos, como cobrir todo o campo visual, de modo a evitar as lesões laterais e devem ser ajustados à cara, cómodos e leves.

 

O mesmo tipo de lente não serve para todas as pessoas. Por exemplo, as pessoas com olhos claros, devem utilizar filtros mais potentes.

 

A proteção ocular está indicada para qualquer idade e as crianças não são exceção. 

image.jpeg

Existem óculos para bebés e crianças bem pequenas. Muito importante: atenção à qualidade das lentes! Podem ser engraçados, mas a "bonecada" não deve ser o critério da escolha.

image.jpeg

                                Óculos solares Chicco: 100% proteção UV (UVA e UVB)

 

A protecção ocular com lentes de protecção solar é importante sobretudo:

- Nos dias de maior índice UV (Ver AQUI).

- Durante os períodos do dia em que a radiação é mais intensa (das 11 às 16 horas).

- Nos locais de maior exposição: grandes altitudes (montanha) e superfícies muito refletoras (neve e grandes superfícies de água).

 

A proteção precoce é fundamental, pois os efeitos da radiação são cumulativos ao longo da vida e por isso os problemas causados pela proteção incorreta ou não proteção aos raios solares aparecem anos depois, já na fase adulta. 

A falta de proteção aumenta em 60% a chance de evolução de cataratas, doença que é a responsável por 48% dos casos de cegueira.

 

Dada a importância da proteção solar para a saúde, incluindo a dos olhos, também na maioria das farmácias pode comprar óculos de sol, sobretudo para as crianças.

Contudo, se pretende informação e conselhos mais especializados, aconselhe-se sempre com os especialistas: oftalmologistas e optometristas.

 

Um último conselho: se pretende comprar uns óculos de sol falsificados, é preferível não usar!

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 20:03

NIVEA em Berlim

por dicasdefarmaceutica, em 12.06.16

image.jpeg

 

A NIVEA é uma das maiores marcas de produtos de cuidados da pele do mundo e talvez seja uma das marcas na qual mais gente confia.

 

Não fosse a marca alemã (beiersdorf)), encontrei em Berlim a maior loja da NIVEA que conheço, aliás, nunca tinha visto uma loja da marca.

A loja é enorme, numa das avenidas principais e, além das caixinhas e cremes que todos conhecemos, tem muito mais artigos, todos com a marca NIVEA.

 

Aqui vos deixo algumas imagens:

image.jpeg

 

image.jpeg

 

image.jpeg

 

image.jpeg

 

image.jpeg

 

image.jpeg

 

image.jpeg

 

image.jpeg

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 07:46

image.png

Um dos maiores problemas de saúde, sobretudo quando falamos de idosos e de doentes polimedicados, é a adesão à terapêutica. Segundo vários estudos, 50% dos medicamentos não são corretamente utilizados. 

 

No sentido de minimizar este grave problema,  quatro jovens da Universidade de Coimbra, criaram uma solução tecnológica que alerta os idosos para a toma da medicação de forma correta. Esta inovação alerta também, em tempo real, os cuidadores ou familiares do idoso.

image.png

Este sistema de lembrete e notificações chama-se "OneCare Dori" e pode ser feito com a ajuda de um smartphone ou de qualquer telefone fixo.

 

Vamos a um exemplo

Daniel definiu o seguinte lembrete para o telefone-fixo da Mãe: “Olá Mãe. Não te esqueças de tomar o comprimido ao pequeno-almoço. Se já tomaste tecla 1, se vais tomar tecla 2, se já não tens comprimidos tecla 3, se precisas de ajuda tecla 4.” – despoletado todos os dias úteis às 10h00.

O Daniel fez um agendamento, personalizou e conseguiu interagir com a sua mã em tempo real, de forma a alterar algum erro ou alguma falha na toma dos medicamentos.

image.png

Além disso, existem também os Sensors Smart, que permitem ativar os lembretes de forma automática e inteligente. 

image.png

Por exemplo, a D. Manuela tem 81 anos e todos os dias come torradas ao pequeno-almoço. A sua filha Maria ligou o Smart à torradeira, configurando um lembrete que atua automáticamente, caso a mãe não o prepare.

image.png

 

Com o fim de concretizar o desenvolvimento do OneCare Dori foi lançada, na plataforma Indiegogo, uma campanha de angariação de fundos a decorrer até dia 6 de julho. De acordo com os jovens, qualquer pessoa pode apoiar este projeto através da compra antecipada do OneCare Dori a preços exclusivos ou através de um donativo mínimo de um euro.

 

“Acreditamos que esta solução contribui para o aumento da condição de bem-estar e retardamento da deterioração do estado de Saúde de milhares de idosos, apoiando ainda os seus cuidadores que sentem normalmente a pesada responsabilidade de cuidar de alguém mais fragilizado, no mundo acelerado e agitado dos dias de hoje”, concluem os jovens.

 

Parabéns a estes jovens por estas inovações que podem ajudar tanta gente, idosos, doentes mais fragilizados e seus cuidadores!

 

Nós farmacêuticos sabemos bem que é esta luta constante para que a toma responsável dos medicamentos chegue a todos. 

 

Veja AQUI mais informações sobre este assunto.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 17:24

Imagens

Algumas das imagens presentes no blog são retiradas da Web. Na impossibilidade de as creditar corretamente agradeço que, caso alguns dos autores não autorize a sua publicação, entre em contato, para que as mesmas sejam retiradas de imediato.

Termo de responsabilidade

A informação contida neste blog não substitui o aconselhamento médico ou farmacêutico. O objetivo do blog, é informar sobre vários assuntos ligados à saúde em geral, e à farmácia em particular. Os vários temas são abordados de uma forma não exaustiva, acessível ao público em geral.

Pág. 1/2



Mais sobre mim

foto do autor


Calendário

Junho 2016

D S T Q Q S S
1234
567891011
12131415161718
19202122232425
2627282930

Pesquisar

  Pesquisar no Blog