Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]




O Documento essencial para levar à Consulta Médica

por dicasdefarmaceutica, em 30.04.14

Hoje deixo aqui uma dica muito simples, mas muito importante para o uso correto dos medicamentos: uma folha de registo de toda a medicação, que deve preencher e guardar num local visível, por exemplo, na porta do frigorífico ou no armário onde guarda os medicamentos. Exemplo:


- Utilize esta folha para tomar notas sobre toda a sua medicação.

- Mantenha a folha sempre atualizada.

- Sempre que vá a uma consulta médica, leve a folha consigo; ajudará o médico e evitará duplicações de medicação e outros erros, muito comuns quando se consultam médicos de várias especialidades.
Isto é particularmente importante para pessoas mais idosas.

- Leve a folha consigo quando se desloca a um hospital.

- Mostre a folha ao seu farmacêutico quando tiver alguma dúvida com os seus medicamentos. Ele também o pode ajudar no preenchimento da mesma.


NOTA: Se estiver interessado, pode imprimir a folha

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 13:05

62% dos Portugueses consome Analgésicos

por dicasdefarmaceutica, em 29.04.14

O estudo TGI (Target Group Index) da Marktest contabiliza, na primeira vaga de 2014, 5 337mil portugueses que referem ter tomado analgésicos nos últimos 12 meses, o que representa 62,3% dos residentes no Continente, com 15 ou mais anos.

O estudo mostra também que esta percentagem é diferente, consoante o género. 70,4% das mulheres tomam analgésicos; nos homens esta percentagem baixa para 53,2%.

Em relação à idade, os valores aumentam com o avanço da idade. Esta percentagem atinge um máximo de 73,5% entre os indivíduos com idades compreendidas entre os 45 e 54 anos. Nos indivíduos com mais de 64 anos, esta percentagem volta a baixar para 53%.

Há uma grande preocupação das autoridades mundiais de saúde relativamente ao uso indiscriminado destes medicamentos, muitos deles comprados sem receita médica, em vários pontos de venda.

O alívio da dor é uma das queixas mais comuns no balcão da farmácia. Cada vez mais, o farmacêutico tem que estar atento e aconselhar no sentido do não abuso do consumo de analgésicos, mostrar quais os efeitos colaterais, alertar para as doses máximas aconselhadas e encaminhar para consulta médica sempre que a dor teime em não passar.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 00:05

Dia Mundial do Sorriso

por dicasdefarmaceutica, em 28.04.14

Sabia que "rir é o melhor remédio"? O riso não necessita de receita médica e é de graça.
Há dias para tudo, e hoje, 28 de Abril, é o dia Mundial do Sorriso.

Cada vez mais, toda a gente se preocupa em ter um sorriso bonito mas, o importante mesmo, é que o sorriso, além de bonito, seja saudável.

Assim, aqui ficam algumas dicas para ter um sorriso bonito e saudável:
- Escovar os dentes todos os dias, após as refeições e também uma última vez antes de dormir. Utilizar uma escova com cerdas macias e uma pasta dentífrica com flúor.
- Utilizar fio ou fita dental, pelo menos uma vez ao dia. Se doer ou sangrar, continuar a passar o fio, de modo a tornar as gengivas mais resistentes. No meu caso, como me sentia desconfortável na utilização de fio dental, optei por uns descartáveis da marca Gum (existem de outras marcas), que se chamam "Easy-flossers", com flúor e Vitamina E; a utilização é muito cómoda, pois têm um cabo ergonómico, conseguindo fazer-se a passagem do fio em todos os dentes.
- Utilizar Elixir, que ajuda a eliminar bactérias e resíduos alimentares, que nem sempre são completamente removidos com a lavagem dos dentes; também são muito utilizados para combater o mau hálito. Deve ser utilizado duas vezes ao dia, de manhã e à noite.
- Manter uma alimentação saudável, controlando a ingestão de açúcares, principalmente entre as refeições. Beber muita água.
- Deixar de fumar.
- Renovar as obturações e coroas, as quais se desgastam com o tempo; um dente rachado, pode ser uma porta de entrada de bactérias.
- A partir dos 50 anos, a perda óssea é uma das principais razões para as pessoas perderem os dentes, daí a importância de um especial cuidado na ida às consultas, a partir desta idade.
- Ir ao dentista regularmente.

E, sabia que, quem sorri, vive mais? Então, hoje e sempre, sorria!

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 13:21

Alergia sazonal ao Pólen

por dicasdefarmaceutica, em 27.04.14

A Primavera é a estação da alergia sazonal causada pelo pólen, um dos principais alergenos a que estamos expostos. É nesta época do ano que a maioria das planta poliniza. De março a julho é o período mais crítico, mas esta época pode variar em função das condições atmosféricas. Se o calor chega mais cedo, as plantas antecipam a polinização e o pólen liberta-se mais cedo. A quantidade de pólen no ar aumenta, em especial, nos dias quentes , secos e com vento.

O pólen são pequenos grãos produzidos pelas plantas, suficientemente pequenos e leves, para serem transportados por insectos e pelo vento, podendo entrar no nosso aparelho respiratório.

Numa pessoa sensível, a exposição ao pólen pode ter consequências na qualidade de vida. Os principais sintomas desta alergia são:
- Rinite alérgica (espirros, nariz entupido ou a pingar, comichão no nariz, irritação na garganta).
- Conjuntivite alérgica (ardor e lacrimejo dos olhos).
- Asma polínica (tosse, dificuldade em respirar e sensação de aperto no peito)
- Eczema e urticária (comichão na pele, acompanhada, por vezes, de manchas vermelhas e de bolhas com líquido).

Como evitar a alergia ao pólen?
- Visitar um médico alergologista, de modo a saber quais os pólens que lhe causam alergia.
- Informar-se sobre os tipos e quantidades de pólen, em cada dia e em cada região do país. A Sociedade Portuguesa de Alergologia disponibiliza um Boletim Polínico, através do site http://www.rpaerobiologia.com/?iml=PT&first=1
- Evitar atividades ao ar livre, nos dias quentes e ventosos.
- Mudar de roupa ao chegar a casa e tomar banho, lavando a cabeça, de forma que não fiquem resíduos na almofada.
- Não secar roupa ao ar livre, de forma a evitar que os grãos de pólen se fixem na roupa.
- Manter as portas e janelas fechadas, nas alturas mais susceptíveis.
- Manter a casa bem limpa (atenção aos tapetes, alcatifas, almofadas e peluches).
- Viajar de carro com as janelas fechadas (existem filtros anti-pólen para instalar no ar condicionado dos carros).

Por vezes, há necessidade de recorrer a medicamentos específicos para as alergias, os anti-histamínicos. Quando a alergia está diagnosticada, estes medicamentos devem ser utilizados como medida profilática, consoante o aconselhamento médico.
Os anti-histamínicos mais utilizados são a Clemastina e a Cetirizina. Os menores efeitos secundários (sedativos) da cetirizina fazem com que este seja a primeira escolha. A Loratadina (medicamento sujeito a receita médica) também é muito utilizado neste tipo de alergia.
De qualquer forma, se tiver dúvidas sobre estes e outros medicamentos, pergunte ao seu farmacêutico .

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 18:56

Cremes Anti-celulíticos

por dicasdefarmaceutica, em 26.04.14

De volta ao tema Celulite, e conforme prometido no post do dia 21 deste mês ( http://dicasdefarmaceutica.blogs.sapo.pt/casca-de-laranja-celulite-6407), hoje é dia de dar umas dicas sobre alguns dos anti-celulíticos existentes nas prateleiras, nesta Primavera de 2014.
Engane-se quem pensa que os cremes anti-celulíticos fazem milagres mas, se a sua aplicação for feita com uma massagem correta e se forem integrados num regime de alimentação saudável e exercício regular, os resultados podem ser muito satisfatórios na obtenção de uma pele mais lisa e tonificada.

Com grande impacto nas prateleiras dos supermercados, aparece a gama Bodytonic da Garnier, tendo como componente principal, a lipo-cafeína e outros ingredientes com propriedades drenantes e suavizantes. Este creme tem a vantagem de ter incorporado um massajador, que também favorece a drenagem.

O Body-Slim gel da Lierac é um serum em gel não gorduroso e não colante, de cor azul turquesa transparente, que oferece um efeito fresco imediato, prometendo, além do efeito adelgaçante, uma pele mais lisa e mais tonificada.

Sempre com grande popularidade nas farmácias, a Vichy aparece este ano com um Serum flash, prometendo resultados ao fim de 14 dias. Este produto tem como principal componente cafeína pura a 6%, o dobro da cafeína de todos os outros anti-celulíticos da Vichy.

Também com muita expressão no mercado, a marca Elancyl aparece este ano com uma combinação de Cecropia e Cafeína, eficiente na celulite mais rebelde. Destaco o Cellu Slim Noite, o qual estimula o metabolismo celular durante a noite.

O extrato de semente de Longana, uma árvore tropical originária da China, é um dos principais ingredientes ativos de Cellulinov, o novo anti-celulítico da Sisley. Associado a outros ingredientes ativos de emagrecimento, como a cafeína, tem uma fórmula excecional, que atua de forma eficaz, tornando a pele mais lisa e renovada.

A técnica de aplicação destes cremes é muito importante. A aplicação tem que ser diária, nalguns casos bi-diária, deve ser feita com calma e da seguinte forma: nas pernas, aplicar o creme de baixo para cima e na barriga e glúteos, aplicar com movimentos circulares. Sigam as indicações dadas nos folhetos informativos; muitos deles, trazem figuras elucidativas, que ajudam na execução da massagem.
Uma dica muito importante: não se esqueçam que é importante pensar na celulite durante todo o ano, e não apenas quando faltam só uns dias para vestir o bikini novo...

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 01:32

22 a 26 Abril - Semana Europeia da Vacinação

por dicasdefarmaceutica, em 24.04.14

A Direção Geral da Saúde (DGS) associou-se, mais uma vez, à Semana Europeia da Vacinação, que decorre durante esta semana (22 a 26 de Abril).
Esta iniciativa tem como objetivo a divulgação dos benefícios da vacinação e alerta para que todas as pessoas tenham as vacinas em dia.
Em Portugal, o programa nacional de vacinação infantil é cumprido com rigor e tem-se revelado eficaz. Para os adultos, o programa apenas prevê a vacina contra o Tétano de 10 em 10 anos. Aproveite e vá agora ver se a sua vacina está em dia...

Achei importante falar desta semana porque, de vez em quando, surgem grupos de pressão antivacinas, devido ao receio dos efeitos adversos. Na última década, surgiram alguns surtos de Sarampo em crianças, devido à recusa de alguns pais em vacinarem os filhos, por acreditarem que a vacina poderia causar autismo. Foi provado que tal relação não tem fundamento. Se tiver dúvidas, nunca opte por não vacinar o seu filho; fale com o médico que o acompanha e, de certeza que vai tomar a melhor decisão.

Vacinar-se é uma opção individual, mas com muito peso na sociedade, pois todos os anos, as vacinas salvam milhões de pessoas no mundo inteiro.
Informe-se sobre as vacinas aconselhadas para todas as faixas etárias da sua família; fale com o seu médico, pergunte no centro de saúde, pergunte na farmácia, enfim, mantenha-se informado e vacine-se!

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 17:37

Feridas - Primeiros Cuidados

por dicasdefarmaceutica, em 23.04.14

No trabalho, na escola ou mesmo em casa, os pequenos acidentes podem acontecer em qualquer altura e há que saber o que fazer de imediato, quando nos deparamos com uma ferida (lesão da pele); por mais pequenas que sejam, todas as feridas necessitam de ser devidamente limpas e desinfectadas e os primeiros cuidados são essenciais para prevenir eventuais infecções:
- Manter a zona afetada imóvel e, se necessário, sentar ou deitar a pessoa acidentada.
- Lavar as mãos devidamente e, se possível, usar luvas.
- Lavar a ferida com soro fisiológico ou com água corrente. Pode complementar-se a limpeza com uma gaze humedecida.

- Se houver hemorragia, deixar sangrar um pouco (o sangue arrasta as impurezas e ajuda a limpar a ferida) e estancar o sangue, fazendo ligeira pressão com uma compressa.
- Desinfectar a ferida, aplicando um anti-séptico que assegure a eliminação de microrganismos que possam provocar infecção. O ideal é utilizar uma gaze esterilizada e um anti-séptico líquido incolor dos diversos que existem na farmácia (ex: Diaseptyl); a povidona iodada (Betadine), que tem uma cor amarelada, é dos desinfectantes mais utilizados e é muito eficaz contra uma grande maioria de microorganismos patogénicos. (Ver NOTA)

- Se possível, deixar a ferida ao ar livre; se tal não for possível, cobrir com material de penso adequado.
- Assegurar-se de que a vacina do tétano está em dia.
- Observar a evolução da ferida, de modo a detectar sinais de infecção, como vermelhidão, tumefação, pus, dor ou febre, o que, a confirmar-se, exige imediata consulta médica.
- Caso se forme uma crosta, não se deve arrancá-lá, já que a sua presença é útil na prevenção de uma contaminação; ela acabará por cair ao fim de alguns dias, de forma espontânea.

Há que ter noção que só se deve solucionar o problema de uma ferida com métodos caseiros, quando não existir qualquer dúvida de que se trata de uma ferida ligeira.

NOTA:
O que não se deve utilizar nos primeiros cuidados perante uma ferida:
- Algodão, devido à libertação de alguns filamentos que podem penetrar na ferida.
- Anti-sépticos em forma de pomada, pois amolecem a pele, não favorecendo a cura (as pomadas funcionam bem na cicatrização).
- Água oxigenada, pois esta, apesar de poder ser utilizada na limpeza da ferida, nunca assegura a sua desinfecção, uma vez que não destrói todos os microorganismos.
- Álcool, uma vez que é muito irritante para uma pele danificada.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 13:40

Lombalgias

por dicasdefarmaceutica, em 22.04.14

Lombalgias são dores nas costas que afetam a região lombar (zona dos rins). Estas dores são muito frequentes e podem ser incapacitantes, daí ser importante sabermos quais as principais causas, o que fazer quando a dor se instala e como prevenir.

As principais causas das dores nas costas são:
- Má postura (sentado, deitado, em pé ou ao levantar objetos)
- Lesões, distensões ou fraturas
- Doenças congénitas ou adquiridas como ciática, osteoporose, artrite reumatóide, fibromialgia, espondilite ou hérnia discal
- Stress
- Infeções ou tumores na coluna (raro)

Aqui ficam algumas dicas para aliviar estas dores:
- Aplicar calor (saco de água quente) na zona da dor; cada aplicação não deve ser superior a 20 minutos
- Massagens na zona dorida com cremes anti-inflamatórios
- Usar almofadas lombares; são pequenas almofadas que se colocam na curva das costas quando nos sentamos
- Repouso por um ou dois dias
- Tomar medicamentos analgésicos (alívio da dor) e anti-inflamatórios ( ex: voltaren); por vezes, há necessidade de recorrer a relaxantes musculares (ex: relmus)
- Utilizar um apoio lombar no carro (há muitas alternativas de almofadas no mercado, mas não posso deixar de destacar a qualidade das almofadas Tempur)
- Utilizar uma cinta lombar

O mais importante, para quem é sujeito a estas dores frequentemente, é preveni-las, adoptando uma postura correta nas atividades diárias e praticando alguns exercícios específicos, diariamente:
- A caminhada é muito eficaz. Uma alternativa é a natação, acompanhada por um técnico especializado, pois alguns estilos são proibidos para as lombalgias
- Fazer alongamentos específicos. Um dos mais utilizados é deitar-se de costas e levantar os joelhos até ao peito; manter esta posição durante 15 ou 30 segundos, sentindo o alongamento e voltar à posição normal. Repetir o exercício 3 a 5 vezes
- para fortalecer a zona lombar, esticar-se no chão de barriga para baixo e tentar levantar o peito; fazer 3 séries de 10 elevações

Algumas terapias alternativas também se têm mostrado eficazes no alívio dos sintomas associados às lombalgias e na prevenção das mesmas, como a terapia de Bowen (http://www.terapiabowenportugal.com/index.asp) e o Pilates.

É sempre importante lembrar que, se a dor não começar a ceder ao fim de 72 horas ou se se repetir várias vezes, deve consultar um médico. A referência à consulta médica também é indicada quando a dor irradia para as pernas e joelhos, se impedir os movimentos ou se estiver associada a outros sintomas.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 20:50

Casca de laranja - Celulite

por dicasdefarmaceutica, em 21.04.14

A laranja que me desculpe mas, na realidade, é com uma textura semelhante à sua casca que fica a pele quando a celulite se instala.
A celulite é um inimigo que ataca muitas mulheres, não tendo qualquer preferência pela idade, pois tanto aparece nas mais novas como nas mais velhas e, tanto aparece nas mulheres gordas como nas magras. Mas, na realidade, a celulite prefere as mulheres aos homens e a "culpa" é dos estrogénios, pois ela desenvolve-se, sobretudo, durante os períodos de alterações hormonais, como a puberdade, o início da pílula contraceptiva, a gravidez ou a menopausa.
Claro que, além da mudança dos níveis hormonais, existem outros fatores que contribuem para o desenvolvimento da celulite, nomeadamente:
- Sal, café e tabaco
- Falta de exercício físico
- Falta de ingestão de água
- Problemas de circulação
- Alterações repentinas de peso

Numa pele saudável, a gordura existente está perfeitamente compartimentada nos tecidos e a pele apresenta uma textura lisa; neste caso, uma rede capilar bem estruturada fornece ao tecido adiposo o oxigénio e os nutrientes necessários e permite uma eficiente remoção de toxinas.
Em tecidos com problemas, a rede capilar fica alterada, assim como a rede de fibras de colagénio. Quando isso acontece, a remoção de toxinas torna-se difícil, a gordura existente deixa de poder ser utilizada como fonte de energia e, como resultado, a massa gorda expande-se para a pele, causando a chamada celulite.
A celulite instala-se, preferencialmente, nas pernas, nas nádegas e no abdómen e, normalmente, vem para ficar; instala-se e não desaparece com facilidade.


Com a proximidade do Verão, é maior a preocupação com a celulite. A cosmética é amiga deste combate, ajudando a disfarçar e a diminuir o efeito desta nossa inimiga.
Ainda esta semana voltarei a este assunto, com algumas dicas sobre os cremes e os métodos que nos poderão ajudar a diminuir este aspeto de casca de laranja.
Estejam atentas!

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 18:08

Amêndoas na Páscoa

por dicasdefarmaceutica, em 19.04.14

Saudável e altamente nutritiva, a amêndoa é uma abundante fonte de proteína e gordura insaturada e é um fruto muito versátil na culinária, pois doce ou amarga, tem múltiplas utilizações.
É um alimento muito importante quando falamos de dietas de emagrecimento e de alimentação vegetariana.

As amêndoas têm múltiplos benefícios para a saúde, nomeadamente:
- Ajudam a prevenir doenças cardiovasculares.
- Ajudam a baixar o colesterol total e a subir o colesterol HDL (bom colesterol).
- Ajudam a prevenir a diabetes.
- Dada a quantidade de fibra, quando comidas com a casca, têm um efeito laxante.
- Têm um efeito antioxidante (ricas em vitamina E e vitaminas do complexo B).
- Ajudam no fortelacimento dos ossos (ricas em cálcio).
- Têm um efeito diurético (ricas em água e potássio).
- Têm propriedades estimulantes do cérebro (ricas em fósforo).
- Os seus óleos essenciais são muito utilizados na cosmética, contribuindo para a saúde e nutrição da pele.

Bastam 4 ou 5 amêndoas por dia para tirar todos os seus benefícios.

E, em altura de Páscoa, todos temos direito a comer umas amêndoas doces...Boa Páscoa para todos!

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 10:28

Imagens

Algumas das imagens presentes no blog são retiradas da Web. Na impossibilidade de as creditar corretamente agradeço que, caso alguns dos autores não autorize a sua publicação, entre em contato, para que as mesmas sejam retiradas de imediato.

Termo de responsabilidade

A informação contida neste blog não substitui o aconselhamento médico ou farmacêutico. O objetivo do blog, é informar sobre vários assuntos ligados à saúde em geral, e à farmácia em particular. Os vários temas são abordados de uma forma não exaustiva, acessível ao público em geral.

Pág. 1/3



Mais sobre mim

foto do autor


Calendário

Abril 2014

D S T Q Q S S
12345
6789101112
13141516171819
20212223242526
27282930

Pesquisar

  Pesquisar no Blog