Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



O que procuram os portugueses nas farmácias espanholas

por dicasdefarmaceutica, em 10.09.15

image.jpg

Já todos sabemos que as farmácias espanholas "encostadas" à fronteira têm visitas frequentes de portugueses à procura de alguns produtos.

Por vezes, parecem excursões a entrar nas farmácias e a saírem de lá com três ou quatro caixas de um único produto, normalmente, para as dores ou para a pedra no rim. Estes são, sem dúvida os mais procurados e destinam-se quase exclusivamente aos idosos portugueses.

 

Muitos espanhóis nem nunca ouviram falar nestes nomes. E os líderes de vendas para os portugueses são:

image.jpg

E digo-vos mais, pelo menos o xarope Resolutivo e o spray Reflex já os vi nas prateleiras de algumas casas...

 

Trata-se de produtos que não existem em Portugal e que, ao longo dos anos, foram ganhando fama e aliviando os males de muita gente.

 

Mais recente e agora muito vendido a portugueses, é o genérico do Daflon, cujo nome é Diosmina.

O Daflon não é comparticipado e atingiu um preço (cerca de 20€) que nem toda a gente tem possibilidade de comprar. Trata-se de um venotrópico muito recomendado pelos médicos e os nossos vizinhos espanhóis já têm o genérico, que é substancialmente mais barato (7,48€) e ainda não chegou a Portugal.

 

E foi esta a curiosidade de hoje: o que os portugueses vão comprar às farmácias espanholas.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 18:10

O efeito dos voos longos na nossa pele

por dicasdefarmaceutica, em 19.08.15

image.jpg

A nossa pele é o espelho da saúde do nosso corpo. Cobrindo todo o corpo, é o nosso maior órgão e é afetado, não só pelos outros órgãos, como também pelos fatores externos.

 

Ontem cheguei a Lisboa, após 30 horas entre voos e aeroportos. Durante este período, o cuidado com a pele tornou-se uma tarefa fundamental, que tive que ir reforçando ao longo do dia e da noite. Nestes voos, a pele fica muito seca e isso sente-se, parece que fica a "repuxar".

 

Em voos com duração superior a 4 horas, o primeiro sistema a ser afetado é o sistema circulatório. A exposição prolongada ao ar condicionado e à pressão da cabine, combinados com a falta de ar fresco e com problemas circulatórios, podem ter como resultado a pele seca e os poros mais fechados.

As peles oleosas também podem ter este problema e, neste caso, formam-se muitas vezes, pequenas borbulhas ou uma pequena erupção ("rash" cutâneo) após o voo.

 

Há pequenos cuidados que ajudam a contrariar estes efeitos:

- Levantar periódicamente (de 2 em 2 horas).

- Mexer os pés enquanto estiver sentado.

- Beber muita água.

- Limpar a pele e hidratar com frequência, utilizando produtos adequados.

- Hidratar os lábios.

 

Tendo estes cuidados, a sua pele vai agradecer e chega ao destino com melhor aspeto.

Continuação de boas viagens!

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 18:14

Farmácia em Ajaccio - Córsega

por dicasdefarmaceutica, em 18.08.15

image.jpg

Ajaccio é uma cidade francesa localizada na ilha (região) da Córsega.

Sabendo o meu fascínio por farmácias, uns amigos que estão de férias nesta zona, enviaram-me estas imagens. Vejam o pormenor da publicidade, feita por marcas tão nossas conhecidas:

image.jpg

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 18:15

image.jpg

 

Nas casas de banho para homens no aeroporto de Bali está esta imagem por cima dos urinóis. Prometo que não fui eu que a tirei...

 

Olhando para a cor da urina reflectida no branco do esmalte do urinol, pode-se avaliar de forma fácil o grau de desidratação e agir em conformidade.

 

Nestes países, a necessidade de beber água é uma constante devido ao calor e, sobretudo ao grau de humidade. Trazer sempre uma garrafa de água é obrigatório.

 

Curiosamente, nas casas de banho das mulheres não havia nenhum alerta...os homens são mais distraídos...é isso.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 10:49

Farmácias da Malásia: Kuala Lumpur e Melaka

por dicasdefarmaceutica, em 13.08.15

image.jpg

 

Vou começar por vos mostrar algumas fotografias de uma farmácia em Melaka (ou Malaca), um lugarzinho na Malásia que já foi colónia portuguesa.

Vejam o pormenor das placas que indicam o local do aconselhamento, das prescrições e da caixa.

image.jpg

 

image.jpg

 

image.jpg

  

image.jpg

 

image.jpg

 

image.jpg

 Outra farmácia em Melaka:

image.jpg

Na Malásia quase todos os hospitais e clínicas têm farmácia e "assistência farmacêutica".

Também existem muitas farmácias privadas, algumas de cadeias internacionais, que mostram bem o desenvolvimento do sector.

image.jpg

 <

image.jpg

 

image.jpg

 

image.jpg

 

image.jpg

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 09:15

Farmácias em Singapura

por dicasdefarmaceutica, em 07.08.15

image.jpg

Ontem falei das Farmácias de Medicina Tradicional em Singapura, mas na realidade, Singapura tem farmácias semelhantes às famosas "Boots", da cadeia "Watsons" e "Guardians", espalhadas por toda a cidade.

Vendem tudo de parafarmácia, que podemos colocar num cesto como num supermercado e, mais escondido, está o balcão de atendimento farmacêutico, destinado às prescrições médicas ou a um atendimento mais específico.

 

image.jpg

 

image.jpg

 

image.jpg

 

image.jpg

 

image.jpg

 

Ainda em Singapura, num mega centro comercial chamado "Mustafa", no bairro Árabe, encontrei outra farmácia, um pouco mais desarrumada do que as anteriores, mas com milhares de produtos, onde os suplementos alimentares tinham muitos corredores em destaque:

image.jpg

 

image.jpg

 

image.jpg

 

image.jpg

Este centro está aberto 24 horas...farmácia de "serviço permanente"...

image.jpg

 Também aqui, num local mais recatado, havia um balcão com a designação "Pharmacy", para um atendimento mais personalizado:

image.jpg

 

image.jpg

Assim vos deixo com estas imagens de farmácias pelo mundo...

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 13:22

Singapura - Farmácia de Medicina Tradicional Chinesa

por dicasdefarmaceutica, em 06.08.15

image.jpg

De visita a Singapura, não pude deixar de entrar nesta Farmácia de Medicina Tradicional Chinesa, no bairro Chinatown. 

 

Considerada uma das mais antigas formas de Medicina Oriental, a Medicina Tradicional Chinesa tem, como um dos principais métodos de tratamento, a Fitoterapia Chinesa (fármacos).

Apesar do termo chinês ser traduzido em geral como fitoterapia ou medicina herbal, esta forma de tratamento também utiliza ingredientes de origem animal ou mineral na elaboração das suas fórmulas.

 

Sinto-me completamente ignorante ao entrar numa destas farmácias, mas ao mesmo tempo, fascinada com a quantidade de ingredientes, desde sementes, ervas, pós, talos, chás e eu sei lá mais o quê...

image.jpg

image.jpg

image.jpg

Dentro da farmácia, enquanto alguns funcionários com um ar entendido no assunto atendiam e escolhiam entre as centenas de frascos acumulados nas prateleiras, outros dedicavam-se à manipulação, mediante receituário acumulado em cima da mesa:

image.jpg

Na mesma rua, iam aparecendo outras farmácias de Medicina Tradicional Chinesa, mais ou menos sofisticadas:

image.jpg

Claro que este tipo de farmácias não são o que mais se vê em Singapura. Amanhã, mostro-vos algumas fotografias de outras bem diferentes...

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 17:08

image.jpg

 

Em Florença encontra-se uma das mais antigas farmácias do mundo: a "Ofiicina Farmaceutica di Santa Maria Novella", criada em 1221 pelos Frades Dominicanos.

Estes cultivavam nos seus jardins, ervas medicinais que utilizavam na preparação de medicamentos, bálsamos e pomadas, para a pequena enfermaria do seu convento.

 

Quando a fama da qualidade dos produtos chegou ao exterior do convento, aproveitaram a oportunidade e, em 1612, abriram a farmácia ao público.

Ainda hoje, sob a direção de Eugenio Alphandery, são utilizadas matérias primas de alta qualidade e os mesmos métodos de preparação utilizados pelos Frades Franciscanos.

image.jpg

 

Os espaços são verdadeiras salas de museus, onde não faltam tetos decorados, vitrais e quadros lindíssimos:

image.jpg

 

image.jpg

 

image.jpg

 

Nesta "Officina", destaca-se o setor de "herboristeria", em que todos os preparados são à base de ervas e óleos de origem natural.

image.jpg

 

image.jpg

 

image.jpg

 

image.jpg

 

image.jpg

 

No museu podemos também ver algumas máquinas e algum material farmacêutico.

image.jpg

 

image.jpg

 

Perfumes, águas de colónia e sabonetes enfeitam uma das salas principais do museu:

image.jpg

 

A gama de produtos é extensa, desde produtos para a higiene e cuidado do corpo a produtos para crianças, para perfumar a casa, solares, etc...

image.jpg

 

Existe ainda um pequeno café com especialidades alimentares, licores, chás, tisanas, compotas, mel e chocolate.

image.jpg

 

Visitamos as salas, escolhemos os produtos e, por fim, dirigimo-nos a uma sala para o pagamento:

image.jpg

 

Claro que comprei uma caixa de pastilhas para recordação:

image.jpg

 <

image.jpg

 

Não sendo já uma farmácia onde as pessoas se deslocam para aviar uma receita, tem toda uma história e tradição que qualquer farmacêutico vai gostar de visitar em Florença.

 

Hoje, a "Officina Profumo-Farmaceutica di Santa Maria Novella", comercializa os seus produtos não só em Florença, mas também em várias cidades Italianas, em França, Bélgica, Espanha, Inglaterra, Estados Unidos, Japão, Taiwan, Coreia, Tailândia e Filipinas.

image.jpg

 

image.jpg

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 14:10

De passagem: Farmácias em Paris

por dicasdefarmaceutica, em 16.10.14

image.jpg

De passagem por Paris, deixo-vos aqui algumas imagens que mostram como as Farmácias de Paris se tornaram em autênticos "supermercados de saúde", ocupando quarteirões, fazendo promoções, folhetos e tudo aquilo que lhes é permitido.

image.jpg

image.jpg

image.jpg

image.jpg

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 16:38

Atenção ao vírus Ébola!

por dicasdefarmaceutica, em 28.08.14

Cada vez ouvimos mais falar sobre o surto de Ébola que afeta parte do continente africano.

Os sintomas preliminares de uma infecção por este vírus incluem os sintomas semelhantes aos gripais, como febre, fraqueza e dor muscular. Contudo, a doença progride rapidamente para um quadro com agravamento de sintomas, como vómitos, diarreia, falência hepática e renal, e hemorragias internas e externas.
Segundo a Organização Mundial de Saúde (OMS), a taxa de mortalidade em pessoas infectadas é elevada, chegando aos 90%.

A infecção resulta do contato direto com líquidos orgânicos de doentes (sangue, urina, fezes ou sémen). O período de incubação da doença pode durar até três semanas.

Aguardam-se com espetativa os vários medicamentos para o combate do vírus Ébola que estão em fase de estudo, estando alguns a serem já experimentados em doentes infectados.

A República Democrática do Congo é o quinto país em que a infecção pelo Ébola foi confirmada. Deste modo, Angola, seu país vizinho, passa a integrar o grupo de países com risco moderado a alto de infecção por Ébola.

Temos que estar alerta, pois neste momento, mais de 100 mil portugueses trabalham em Angola. Todas as pessoas ligadas à saúde, inclusive os farmacêuticos, devem manter-se actualizados, consultando regularmente as fontes de informação oficiais disponíveis.
A Ordem dos farmacêuticos disponibilizou informação sobre as seguintes fontes e páginas de interesse para todos nós:

Fontes:

Pharmacy Today. APhA - American Pharmaceutical Association:
http://www.pharmacist.com/ebola-primer-facts-pharmacists

DGS - Direcção Geral de Saúde:
http://www.dgs.pt/paginas-de-sistema/saude-de-a-a-z/ebola.aspx


Páginas de interesse:

DGS - Direcção Geral de Saúde (Portugal):
http://www.dgs.pt/paginas-de-sistema/saude-de-a-a-z/ebola.aspx

ECDC - European Centre for Disease Prevention and Control (União Europeia):
http://www.ecdc.europa.eu/

CDC - Center for Diesase Control and Prevention (Estados Unidos da América):
http://www.cdc.gov/vhf/ebola/

OMS - Organização Mundial de saúde:
http://www.who.int/csr/don/en/

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 18:21

Imagens

Algumas das imagens presentes no blog são retiradas da Web. Na impossibilidade de as creditar corretamente agradeço que, caso alguns dos autores não autorize a sua publicação, entre em contato, para que as mesmas sejam retiradas de imediato.

Termo de responsabilidade

A informação contida neste blog não substitui o aconselhamento médico ou farmacêutico. O objetivo do blog, é informar sobre vários assuntos ligados à saúde em geral, e à farmácia em particular. Os vários temas são abordados de uma forma não exaustiva, acessível ao público em geral.


Mais sobre mim

foto do autor


Calendário

Julho 2017

D S T Q Q S S
1
2345678
9101112131415
16171819202122
23242526272829
3031

Pesquisar

  Pesquisar no Blog